«

Escola Marsens na Suíça


A Viúva Lamego pelo facto de ser uma referência na arte da Azulejaria, volta a ser convidada para fazer parte de um projeto internacional, através do arquiteto Vincent Rapin. A escola Marsens, na Suíça, trata-se de uma obra que fora meticulosamente e habilmente projetada, contando com 310 m2 de faixas vidradas branco da Viúva Lamego.

viúva